RESUMO

O presente trabalho apresenta um estudo sobre a doutrina do Logos, elaborada por Justino de Roma, e  sua influência no pensamento  filosófico cristão. Para isso, julgamos necessário perpassar a formação intelectual de Justino e sua conversão ao Cristianismo, abrindo espaço para a especulação filosófica  e contextualizando a concepção cristã de  Logos. Além disso, analisaremos a participação dos filósofos antigos, considerados como cristãos antes de Cristo, no seio do cristianismo e discutiremos as argumentações que legitimam a religião cristã como a verdadeira religião. Ao se constituir em uma linha filosófica e racional, o cristianismo primitivo  se aprofundou e se fortaleceu, ganhando espaço entre as diferentes culturas. Com isso, ele propõe Cristo como centro de toda a História e finalidade de toda a Filosofia, se tornando assim, o cumprimento e a plenitude do pensamento.

Palavras-chave: São Justino. Cristianismo primitivo. Logos. Apologia cristã. Patrística.

Monografia A Plenitude do Logos (1,4 MB)

Clique acima para fazer o download da Monografia em formato pdf.