Artigo por Solange Maria do Carmo

5 Items

A bíblia nos encontros de catequese

Durante muito tempo, o texto-base da catequese foi o catecismo. Com a chegada da Catequese Renovada, os catecismos – tão prontos e taxativos! – cederam espaço para manuais catequéticos que tinham a cara das comunidades locais. Os problemas da vida, as esperanças e tristezas do povo, começaram a se fazer presentes nestes roteiros. Foi aí…

Catequese escolar Fase um: o tempo do catecismo

“A Igreja – portadora da verdade de Deus – se contentava em transmitir as verdades da fé professada. A catequese era uma aula, mas uma aula ao modo antigo, não como hoje quando se faz a construção do conhecimento a partir das condições próprias do aprendiz. A primeira fase da catequese escolar entendia o catequizando como uma espécie de “cabeça oca” que devia ser preenchida pelas verdades da fé que a Igreja lhe transmitia.”

Catequese permanente

por

“Muita gente pode se perguntar o porquê dessa mudança. Será que a Igreja vinha fazendo catequese de forma errada e agora resolveu consertar? Certamente que não se trata disso. Não é uma questão de catequese certa ou errada, mas de modo mais ou menos apropriado de catequizar, que muda de acordo com o tempo. Quando éramos crianças, éramos batizados pequenininhos, logo nos primeiros meses de vida. Todo mundo sabia que devia batizar seus filhos na fé da Igreja Católica.”

Catequese num novo tempo, apesar dos perigos…

por

“As mudanças que a Igreja vem fazendo e precisa fazer dizem respeito às suas diversas áreas: área teológica, moral, litúrgica, pastoral e outras. A necessidade de atualização se alastra por todos os cantinhos da fé cristã, não deixando imune nenhuma delas. Interessa-nos, porém, nesta série de artigos que preparamos, falar da mudança catequética que começa a ganhar voz e vez na prática eclesial que algumas paróquias começam a implantar.”